27 março 2007

Lois Lane

"Me, I've got a different problem. I feel like a live in a world made of cardboard, always taking constant care not to brake something, to breake someone, never allowing myself to lose control. Even for a moment, or someone could die. But you can take it, can't you big man? What we have here is a rare opportunity for me to cut loose and show you just how powerful i really am." in Justice League Unlimited, último episódio da quinta época: Destroyer.

Mas lá está este gajo novamente a falar de super heróis e cenas do género. Pois é. Eu sou assim. Se gostarem de super heróis e de desenhos animados, sugiro que comprem (ou "comprem") todas as épocas da série Justice League (Justice League Unlimited a partir da terceira época). É simplesmente fantástica. Para quem não sabe a Justice League é uma "organização" no mundo fictício da DC. Uma liga de super heróis, encabeçada pelo Super Homem e da qual são membros: Wonder Woman, Flash, Martian Man-Hunter, Green Lantern, Aquaman e o Batman dá uma ajudinha de vez em quando (ele não curte pessoas). Estes são os membros fundadores. Depois vão surgindo muitos outros a pertencer ao grupo. No caso da série, os membros fundadores são os mesmos, menos o Aquaman, que é substituido pela Hawkgirl. Enquanto que o Super Homem, Wonder Woman, Martian Man-Hunter e o Batman são os mesmos do costume, o Green Lantern está no tempo do John Stewart, a Hawkgirl é a Shayera Hol, e o Flash está na encarnação Wally West.
Se alguém quiser ler mais sobre isto (dúvido :D) Força!

Krypton já esteve mais longe.

1 comentário:

_Loot_ disse...

Eu vi alguns episódios na 2 mas já foi há uns bons tempos. Suponho que já não dá na TV portuguesa?
sou muito mais adepto dos comics do que dos cartoons mas até eram engraçados às vezes.